Berlin Costelaria | Vitrine
Berlin Costelaria | Vitrine
Berlin Costelaria | Sob olhar de Muricy, garotos do São Paulo atropelam Nacional e avançam

Sob olhar de Muricy, garotos do São Paulo atropelam Nacional e avançam

Quarta - 15/01/2014

A presença do técnico do time principal do São Paulo, Muricy Ramalho, motivou os garotos tricolores que disputam a Copa São Paulo de Futebol Júnior. No duelo contra o Nacional-SP, nesta terça-feira, na Arena Barueri, pela segunda fase da competição, o time do Morumbi goleou por 5 a 1 e avançou às oitavas de final - enfrentará o Brasília, em data ainda a ser confirmada (quinta ou sexta-feira). Em um camarote, Muricy gostou do que viu. O placar foi todo construído no primeiro tempo. Marcaram para o Tricolor: Ewandro (3), Lucas Possignolo e Boschilia. Bruno Mota descontou para o Nacional.

Rolo compressor

Empolgado, o Tricolor só precisou de cinco minutos para abrir o marcador. Após cobrança de escanteio de Matheus Queiroz pela esquerda, o zagueiro Anderson, do Nacional, errou ao desviar para o meio da sua pequena área. A bola caiu no pé esquerdo de Ewandro, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol. O segundo quase veio no lance seguinte, quando Paulo chegou a estufar as redes, mas ele estava impedido e o tento foi anulado corretamente. Aos 25, o zagueiro Lucas Possignolo aproveitou cruzamento de Matheus Queiroz da esquerda e testou para marcar o segundo do Tricolor. Seis minutos depois, veio o terceiro. Boschilia cobrou escanteio da direita, Ewandro se antecipou ao goleiro Robert e desviou para o gol. O quarto gol são-paulino foi uma pintura. Aos 35, Leonardo Prado deu um lindo chapéu na esquerda, passou por dois marcadores e cruzou rasteiro para Boschilia completar de primeira e ampliar para o Tricolor. Cansado de apanhar, o Nacional foi para cima e conseguiu descontar aos 38. Dan cobrou falta direto para a área, e Bruno Mota apareceu livre na grande área para cabecear e diminuir o placar. Quem achou que seria o início de uma reação se enganou, pois Ewandro, mais uma vez, aproveitou uma grande bobeada da defesa do Nacional e, aos 44, rolou para a rede, decretando o sexto gol de um movimentadíssimo primeiro tempo na Arena Barueri.

Segundo tempo morno

Com a ampla vantagem no placar, o São Paulo apenas tocou a bola no segundo tempo. Quando chegou à área, contou com a colaboração do goleiro Robert, que andou soltando a bola em alguns lances. Sem forças, o Nacional parecia mais preocupado em evitar uma goleada ainda maior e não ousou atacar o adversário. Assim, o jogo se arrastou até o apito final.
Fonte: globoesporte

Horário

Segunda a sexta-feira a partir das 11h30
Sábado e domingo a partir das 12h00

Local

Rua Cuiabá, 57 - Jardim Paulistano Sorocaba - SP

Fone

(15) 3321-2940

Indique nosso site!