Berlin Costelaria | Vitrine
Berlin Costelaria | Vitrine
Berlin Costelaria | De virada, Flamengo-SP vence o Palmeiras e encara o Galo nas oitavas

De virada, Flamengo-SP vence o Palmeiras e encara o Galo nas oitavas

Quarta - 15/01/2014

O Flamengo-SP está nas oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. A equipe rubro-negra, formada por jogadores e comissão técnica do Corinthians, encarou a partida contra o Palmeiras como um clássico, e venceu por 4 a 3, garantindo vaga nas oitavas de final da competição - o adversário será o Atlético-MG. Por outro lado, o Palmeiras, que entrou na competição como um dos favoritos ao título por ter conquistado o vice-campeonato brasileiro Sub-20 do ano passado, sentiu a ausência de alguns de seus principais jogadores e se despediu da competição sem deixar uma boa impressão.

Flamengo vence nos contra-ataques

O Palmeiras ficou a frente no placar em duas oportunidades: 1 a 0 e 2 a 1. Porém, a equipe flamenguista, bem treinada e aproveitando a velocidade nos contra-ataques, conseguiu a virada na segunda etapa.
O primeiro tempo ficaria marcado pelos quatro gols, dois de cada lado, não fosse a bela atuação do meia palmeirense Mateus Gonçalves. Recuperado de uma lesão que o afastou dos gramados pelas últimas três semanas, o camisa 11 voltou ao time titular e, logo aos três minutos, assistiu o seu companheiro Christopher, que bateu forte de fora da área e marcou o primeiro gol para o Verdão.
O Flamengo não se abalou e chegou ao empate rapidamente, aos 16. Fabrício puxou contra-ataque e tocou para Carioca, que bateu de primeira, cruzado, por baixo do goleiro Vinícius.
Mas a primeira etapa era mesmo de Mateus Gonçalves. No minuto seguinte após sofrer o empate, o destaque palmeirense, que já havia participado do primeiro gol, recebeu dentro da área e bateu colocado. Rafael fez a defesa.
No lance seguinte, aos 23 minutos, ele marcou. Após lançamento em profundidade pelo lado esquerdo do ataque, o meia dominou, passou por dois defensores e bateu no canto esquerdo do goleiro rubro negro.
O técnico do Verdão, Diogo Giacomini, ainda pedia mais calma e posse de bola aos seus jogadores quando o Palmeiras foi surpreendido. Em novo contra-ataque, Vinícius defendeu o primeiro chute, mas a bola caiu nos pés de Carioca, que só teve o trabalho de empurrar para o gol vazio.
Ainda no primeiro tempo, Mateus Gonçalves ainda assustou o goleiro flamenguista, aos 36, quando tentou cruzar a bola na área. A bola foi desviada e por pouco não enganou o camisa um.
Na segunda etapa, o meia palmeirense sumiu. Talvez pelo cansaço e falta de ritmo de jogo, que o próprio jogador acusou no intervalo da partida.
O Palmeiras atacava, o Flamengo aguardava e apostava nos contra-ataques. E foi assim que o time de Guarulhos marcou mais dois. Primeiro, com Guaxupé, que passou por dois marcadores em velocidade e, dentro da área, bateu na saída de Vinícius, aos 16 minutos.
Aos 24, Fabrício Mamão foi lançado em profundidade, Vinícius saiu mal e, na dividida, o atacante flamenguista levou vantagem.
O placar de 4 a 2, que parecia ter definido a partida, logo foi modificado. No minuto seguinte, o centroavante Erik recebeu na meia lua, ameaçou bater com a perna direita, fez a finta e chutou de canhota, diminuindo a vantagem rubro-negra.
O Palmeiras passou a pressionar o Flamengo. O empate levaria a partida para os pênaltis. Dentre as chances criadas, a mais clara surgiu dos pés do atacante Erik, aos 46 minutos. O camisa 9 invadiu a área e bateu forte, mas Raphael Afalo conseguiu abafar o chute.
Fonte: globoesporte

Horário

Segunda a sexta-feira a partir das 11h30
Sábado e domingo a partir das 12h00

Local

Rua Cuiabá, 57 - Jardim Paulistano Sorocaba - SP

Fone

(15) 3321-2940

Indique nosso site!