Berlin Costelaria | Vitrine
Berlin Costelaria | Vitrine
Berlin Costelaria | Felipão diz observar Kaká e garante que meia pode ter chance na Seleção

Felipão diz observar Kaká e garante que meia pode ter chance na Seleção

Quinta - 07/11/2013

Autor da jogada que resultou no primeiro gol do Milan diante do Barcelona, na última quarta-feira, Kaká parece estar se reencontrando no clube onde se consagrou e ganhou o prêmio de melhor jogador do mundo. E o veterano não será ignorado por Felipão. Em entrevista ao jornal italiano "Corriere dello Sport", o técnico da seleção brasileira afirmou que é provável que o meia volte a ter uma oportunidade na equipe, já que voltou a atuar com regularidade.
- Estou feliz com a escolha de Kaká de vestir novamente a camisa de um clube que deu a ele a chance de voltar a ficar 100%. E a situação dele é: estou vendo todos os jogos do Milan e de Kaká porque há a possibilidade de, no futuro, ser chamado. Eu não tomei a decisão ainda, mas é bom que ele esteja em um clube como o Milan. Pode voltar ao topo. Agora jogando, o que não estava fazendo no Real Madrid, pode crescer. Ele certamente pode ter uma oportunidade no futuro.
Entretanto, Kaká não é o único motivo que tem levado Felipão a acompanhar as partidas do Milan. O treinador também já vinha olhando de perto o atacante Robinho, que acabou chamado para os amistosos contra Honduras e Chile, neste mês, após a desconvocação de Diego Costa. Scolari justificou sua escolha alegando que a experiência do ex-santista pode ser importante.
- Robinho tem 100 jogos pela Seleção, incluindo sub-23, e participou de duas Copas do Mundo. Já tem 28 gols com a camisa do Brasil e está jogando constantemente no Milan, com um novo papel que Allegri deu a ele. Sua qualidade, sua técnica e sua alegria podem ser úteis. Era hora de chamá-lo e observá-lo de perto para ver se ele pode ser importante na Copa do Mundo - declarou Felipão, afirmando que o fato de Hernanes ter ficado na reserva do Lazio em algumas oportunidades não vai afetar sua situação na Seleção.
Para técnico, Itália também é favorita
Depois de ver a Itália de Cesare Prandelli de perto, na Copa das Confederações, Felipão afirmou que a Azzurra está no grupo de postulantes ao título, ao lado de nomes já muito comentados: Alemanha, Argentina e Espanha. E disse que a seleção brasileira poderá sofrer com a pressão em seu país.
- Toda a nação está apoiando, e a única maneira de respondermos é vencendo os adversários. Teremos a vantagem de jogar em casa, mas isso também traz pressão. Não temos alternativas à vitória, pois a terceira ou a segunda opção não são consideradas satisfatórias.
Fonte: globoesporte

Horário

Segunda a sexta-feira a partir das 11h30
Sábado e domingo a partir das 12h00

Local

Rua Cuiabá, 57 - Jardim Paulistano Sorocaba - SP

Fone

(15) 3321-2940

Indique nosso site!